terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Patas de veado ... um doce português


Patas de veado, nome tão engraçado para um bolo. Dizem que é um bolo típico das nossas pastelarias portuguesas mas ou eu ando muito distraída ou não é bolo daqui da zona já que até agora nunca tinha ouvido nem visto tal bolo (e acreditem, com um nome destes eu iria lembrar-me de certeza). Por esse meu desconhecimento, quando vi que o desafio deste mês no Sweet World eram este bolinho, fiquei logo decidida a experimentar e esperei pelo aniversário do pai para as fazer.
Um bolo simples na confecção e agradável no sabor, leva a que se coma facilmente uma ou duas patas seguidas. E, embora não me tenham feito suspirar, houve quem aparecesse de surpresa na festa e se tenha teletransportado para a infância ao trincar este bolo, o que me fez muito feliz.
Se ainda não o conhecem, experimentem e digam lá se não vai bem com um café a acompanhar.



Ingredientes para o bolo:
- 4 ovos
- 120g de farinha
- 1 colher (chá) de fermento em pó
- 120g de açúcar
- 2 colheres (sopa) de leite

Comece por forrar um tabuleiro com papel vegetal (usei de 40 x 25 cm, convém que seja grande para que a massa fique fina).
Bata as claras em castelo firme. Bata as gemas com o açúcar até obter um creme fofo e esbranquiçado. Acrescente o leite, a farinha peneirada e por fim as claras, envolvendo com cuidado. Verta o preparado para o tabuleiro e espalhe a massa de forma a obter uma camada uniforme.
Leve a assar em forno pré-aquecido a 180ºC, durante cerca de 15 minutos ou até o teste do palito sair seco.
Retire do forno e desenforme sobre um pano humedecido. Espalhe metade do doce de ovos e enrole com a ajuda do pano. Deixe arrefecer.


Ingredientes para o recheio e cobertura:
- 2 ovos
- 3 gemas
- 125g de açúcar
- 125ml de água
- 1 colher (chá) de amido de milho
- coco ralado qb
- canela em pó qb

Leve ao lume um tacho com a água e o açúcar. Depois de levantar fervura conte 3 minutos e retire do lume. Deixe arrefecer um pouco.
À parte, misture as gemas com os ovos e o amido de milho. Coe e misture com a calda de açúcar. Leve novamente ao lume e mexa sempre até engrossar.

Montagem:
Corte as pontas da torta. Divida a torta em 5 partes iguais, depois dê um corte na diagonal em cada uma das partes de forma a obter 10 partes inclinadas. Barre a superfície inclinada e as laterais com o doce de ovos, polvilhe depois as laterais com coco ralado e faça um risco de canela em pó na superfície (como mostram as fotos). Sirva à temperatura ambiente ou frescas (eu prefiro bem fresquinhas).

  

44 comentários:

  1. É claramente um bolo da minha infância, comia várias vezes e adoro! :) Infelizmente, actualmente, já não o vejo à venda em lado nenhum. :( Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já eu confesso que nunca o vi, talvez andasse distraída. Mas cá em casa adoraram.

      Eliminar
  2. Ficaram lindas! Não é um doce comum por aqui mas eu adoro! O que eu mais acho extraordinário neste tipo de doces é que são feitos com ingredientes tão básicos (e numa lista bem reduzida) e resultam em algo tão maravilhoso! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em Portugal tenho reparado mesmo nisso, temos uma grande parte de doces em que levam menos de 5 ingredientes e são fantásticos :)

      Eliminar
  3. Que belas patas de veado! Ficaram com um delicioso aspecto :)
    bjnho

    ResponderEliminar
  4. Adoro patas de veado! Estas ficaram fantásticas :P

    De aprendiz a chef

    ResponderEliminar
  5. adoro e ja nao como a mt tempo pois era um bomo que comia mt quando era pequena a minha avo nos comprava sempre eheheh que saudades as tuas estam 5* parabens bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, eu não conhecia mas cá em casa todos gostaram bastante :)

      Eliminar
  6. Acreditas que nunca comi? Tenho de fazer!!
    Beijinho
    Joana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito pois, também foi a minha primeira vez. Aliás, nunca tinha sequer ouvido falar.

      Eliminar
  7. Bom dia. Não me considero guloso mas que agora ia uma "patinha de veado", acredito que ia...óh se ia...
    .
    * Água que purifica teu corpo ... em efemérides de sentido *
    .
    Deixo abraço de amizade

    ResponderEliminar
  8. É um bolo que gosto muito, e esse ficou com óptimo aspecto.Um beijinho grande*
    Vinte e Muitos

    ResponderEliminar
  9. Ficaram lindas! ;)
    Beijinho

    Blogue Recanto com Tempero

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde! Hummm dos bolos que mais gosto. Bem húmidos !!:)

    Beijos

    ResponderEliminar
  11. Ficaram lindas e apetitosas! Andou com muita vontade de experimentar fazer este docinho, pode ser que seja agora ;)
    Um beijo
    Cláudia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, experimenta porque são bem simples :)

      Eliminar
  12. Oi Carla, bt!
    Eu não conheço esse doce, mas achei tão lindinhos e pelos ingredientes certamente ficaram deliciosos também. Hummmm!
    Bjsssss amiga

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, são tradicionais por cá mas confesso que também os desconhecia :)

      Eliminar
  13. Que delcia de patinhas. :-)

    Beijinhos,
    Clarinha
    https://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2018/02/receita-caixa-misterio-1.html

    ResponderEliminar
  14. Não consigo fazer comentários a esta publicação... só mesmo este: estou a salivar!!! :)

    ResponderEliminar
  15. Já não via patas de veado há muitos anos.
    Deve ser um doce do norte, sou do Porto mas moro em Lisboa há anos e desde então há coisas boas que deixei de ver.
    Ficaram linda e de certo deliciosas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não sei se é do norte porque confesso que nunca os vi por cá. Mas também acho que talvez andasse distraída :)

      Eliminar
  16. Olá Carla,

    Bem bonitas e perfeitinhas que ficaram as tuas patas :) Adorei!
    Temos sempre aqueles doces que nos fazem render completamente. Apesar de não ter referencias de infância deste doce, pois nunca o pedia na pastelaria, para mim mostrou-se uma surpresa bem especial, pois adorei mesmo o resultado.
    Muito Obrigada por nos acompanhares sempre que possível :)

    Bjinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cá em casa também gostamos bastante mas confesso que foi um bolo que desconhecia por completo e cá em casa também ninguém os conhecia.

      Eliminar
  17. Um clássico que me faz andar uns bons anos no tempo... a comida tem essa capacidade. Gosto muito!

    Beijnhos Ana

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita, se gostou deixe o seu comentário ou faça "like".
Volte sempre que quiser :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...